Reservoir Dogs – Cães de Aluguel

Você provavelmente me viu falar uma ou duas vezes sobre os filmes de Quentin Tarantino… Mas este é o meu favorito, o filme gravado em 1992 com um orçamento de 1.5 milhão de dólares, Cães de Aluguel, marca o início da carreira brilhante do diretor.

Com um orçamento limitado, cortes e contribuições foram necessárias. Diversos atores usaram suas roupas pessoais em cena. O terno que Harvey Keitel usou no filme era dele mesmo, assim como o casaco esportivo que era do próprio ator Chris Penn. Steve Buscemi também usou seu próprio par de jeans nas cenas, ao invés de uma calça de terno. E a ajuda não parou por aí! O Cadillac de Mr. Blonde também era do ator Michael Madsen, já que a verba era pequena para comprar um carro para o personagem. Eles também não contrataram ajudantes de tráfego durantes as cenas no trânsito e Robert Kurtzman fez os efeitos de maquiagem de graça para Tarantino com uma condição: Quentin Tarantino escreveria o roteiro de “Um Drink no Inferno” (1996), filme baseado em uma história de Kurtzman. Como é bom ter amigos!

reservoir-dogs-1992--01

E obviamente, como em todo os filmes de Quentin, o cuidado com a trilha sonora é fantástico.. Escuta só essa música do Stealers Wheel, Stuck In The Middle With You que encabeça o longa.

Se nos EUA o filme quase não teve divulgação e não chegou a fazer uma estrondosa bilheteria, na Inglaterra a produção foi um sucesso. Sucesso a ponto de Quentin Tarantino não conseguir caminhar pelas ruas de Londres sem ser abordado na época. Muitos cineastas ingleses se dizem influenciados pela obra até hoje.

Anúncios

Uma consideração sobre “Reservoir Dogs – Cães de Aluguel”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s